A Xiaomi fala em vir para o Brasil

É indiscutível que a Xiaomi é a fabricante de celulares do momento, e qualquer declaração relativa à expansão para fora da China é vista com lupa. Mas o nosso site esta sempre ligados.

Por este prisma, este post do Tech in Asia, que relata uma fala de Hugo Barra sobre a expansão internacional da fabricante, é muito importante.

A empresa já está em Hong Kong, Taiwan e Cingapura, o que não é suficiente para os planos mais que ambiciosos da empresa. Por isso, a ordem dos próximos Mi-avanços é:

  • Malásia
  • Indonésia e Filipinas
  • Tailândia
  • Índia (somente depois que conseguir uma fatia significativa do mercado no Sudeste da Ásia)
  • Brasil, México e potencialmente outros países da América Latina

Ou seja, a Xiaomi olha para o Brasil com carinho, provavelmente pensando em 2015, com algum azar em 2016.

Até lá dá tempo do Hugo Barra evitar de cometer alguns erros que cometeu, ou ajudou a cometer, no varejo brasileiro, no seu emprego anterior. Por outro lado, também dá tempo das fabricantes – especialmente a segunda linha (Alcatel OneTouch, Blu Products, as nacionais etc) – melhorarem seu jogo, sob risco de serem varridos pelo Redmi. O portal Tecmundo lançou um artigo falando sobre o assunto vale a pena da uma lida.